Insetos Sugadores (Sternorrhyncha) em Cultivo Orgânico de Tangerina cv. Poncã (Citrus reticulata Blanco): Diversidade, Constância, Freqüência e Flutuação Populacional

William Costa Rodrigues, Paulo Cesar Rodrigues Cassino, Mateus Varajão Spolidoro, Reinildes Silva-Filho

Resumo


O objetivo do trabalho foi estudar a diversidade, constância, freqüência e a flutuação populacional de insetos sugadores da subordem Sternorrhyncha associados à tangerina cv. Poncã sob o sistema de cultivo orgânico. Os levantamentos foram realizados entre outubro de 2002 e outubro de 2003. Dentre os aleirodídeos, Aleurothrixus floccosus Maskell destacou-se dos demais, com média populacional igual a 74,06%. Aleurotrachelus cruzi Cassino obteve média de 52,6%. Entre as cochonilhas destacaram-se Selenaspidus articulatus (Morgan) (23,96%) e Pinnaspis aspidistrae (Signoret) (19,38%). O psilídeo Diaphorina citri Kuwayama obteve média de 52,6%, sendo a segunda espécie com maior média. Os pulgões Toxoptera citricida (Kirkaldy) e Toxoptera aurantii (Boyer), somente ocorreram em período de brotação e floração, com média populacional de 7,6% e 6,25%, respectivamente. Quanto à diversidade das espécies o período com maior diversidade, ocorreu na 1ª quinzena de setembro de 2003 (H’= 0,964), coincidindo com a menor dominância (D= 0,200), e menor diversidade na 1º quinzena de maio de 2003 (H’= 0,657) e maior dominância (D= 0,522). As espécies constantes foram: A. floccosus (100%), A. cruzi (96%), Coccus viridis (Green) (100%), P. aspidistrae (100%) e D. citri (100%). As espécies mais freqüentes foram: A. floccosus (30,79%) e D. citri (21,87%). Os resultados sugerem que as espécies verificadas possuem a dinâmica populacional em parte influenciada pela competição interespecífica, pois quando há um aumento populacional dos aleirodídeos, há um decréscimo da população das cochonilhas e vice-versa, além dos fatores ambientais, a predação e o parasitismo.


Sucker Insects (Sternorrhyncha) in Organic Cropping of Tangerine cv. Ponkan (Citrus reticulata Blanco): Diversity, Constancy, Frequency and Populational Fluctuation


Abstract. The aim of this work was to study the diversity, constancy, frequency and the population fluctuation of the sucker insects of the suborder Sternorrhyncha associated with the tangerine cv. Ponkan cultivated under the organic. The study was conducted from October 2002 to October 2003. Among the whiteflies, Aleurothrixus floccosus Maskell had a population average equivalent to 74.06%. Aleurotrachelus cruzi Cassino reached 52.6%. Among the scale, Selenapidus articulatus Morgan reached 23.96% and Pinnaspis aspidistrae (Signoret) 19.38%. The Diaphorina citri Kuwayama average was 52.6%, the second bigger average. The aphids Toxoptera citricida (Kirkaldy) and Toxoptera aurantii (Boyer) took place only during the budding and blooming, presenting a population average of 7.6% and 6.25%, respectively. The period in which occurred the largest diversity was the first fifteen days of September 2003 (H’= 0.964), simultaneously to the least dominance (D = 0.200), and in the first fifteen days of May 2003 occurred the least diversity (H’= 0.657) and the largest dominance (D = 0.522). The constant species that were more prominent were: A. floccosus (100%), A. cruzi (96%), Coccus viridis (Green) (100%), P. aspidistrae (100%) and D. citri (100%). The most frequent species were A. floccosus (30.79%) and D. citri (21.87%). To sum up, the results show that all the species studied have a population dynamics in part influenced by the interspecific competition, as there is a population increasing of whiteflies, there is a population decrease of scale and vice-versa, as well as the environmental and predatory factors and the parasitism.


Palavras-chave


Afídeos, Aleirodídeos, Cochonilhas, Dinâmica Populacional, Psilídeo, Aphids, Population Dynamics, Psylid, Scales, Whiteflies

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



|    Licença de Uso    |     Normas para publicação (PDF)   |    Projeto do Periódico   |   Política de Privacidade    |    Currículo Lattes (Busca)    |   Scielo     |     Títulos de Periódicos ligados à Entomologia e suas Abreviações     |      Ortografa!

Indexadores:

Latindex   |   SEER/IBICT     |    Dialnet     |    Agrobase - Literatura Agrícola     |   Sumários de Revistas Brasileiras     |     DOAJ     |    CABI Abstracts     |    LivRe!       |   RCAAP   |    Diadorim    |    Electronic Journals Library   | Eletronic Journals Index  |   Fonte Acadêmica - EBSCO  |   ZooBank    |   Zoological Records    |   Agro Unitau    |    BASE (Bielfield Academic Search Engine)     

Outras fontes:

   WorldCat    |     Mendeley     |     Google Acadêmico    |    Qualis CAPES 

Copyright © 2008-2018, Entomologistas do Brasil

As opiniões técnico/científicas e mesmo pessoais, constantes nos artigos e comunicações científicas publicados no EntomoBrasilis são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores.

 

EntomoBrasilis. ISSN Online 1983-0572 - Prefixo doi: 10.12741

 

 Site hospedado gratuitamente no HostingZone

Fazemos parte da ABEC (Associação Brasileira de Editores Científicos)

Filiado ao Portal de Periódicos CAPES

Apoio